segunda-feira, 1 de setembro de 2014

Viagem internacional com enteado. Dicas: Barcelona


Como falei no post anterior, nessas férias de Julho fizemos uma viagem internacional com a minha enteada, fomos para Barcelona e Viena.
Neste post vou dar algumas dicas das programações que fizemos para você programar sua viagem de acordo com o tempo que tiver em cada cidade.
Vou ter que dividir esse post em 2 porque ficou muito comprido.
Dicas para quem vai com crianças para Europa:
-     Para os passeios que você tem interesse em ir, tente comprar os ingressos pela internet com antecedência, principalmente se a viagem for em alta temporada e por um período curto. Agora em Julho o tempo médio de cada fila era no mínimo 45 minutos.
Nós não compramos antes os ingressos , rssss.
Isso é ruim porque as crianças (e nós também) ficam impacientes na fila e acabam não aproveitando tanto o passeio.
-     Visitar muitas igrejas ou museus é bem entediante pra crianças. Tente intercalar as programações e escolher os pontos turísticos que você tenha mais interesse em conhecer.
-     No caso da Europa, tente montar a programação incluindo passeios interessantes para as crianças como parques, praças, praias, passeios de bicicleta, etc.
-     Se criança não come qualquer coisa tente pesquisar antes na internet  restaurantes que possam agradar a todos os paladares.
-     Tente programar o que vai comprar para não ficar horas olhando coisas, as crianças ficam bem impacientes em acompanhar períodos de compras muitos extensos.
BARCELONA
Barcelona é uma cidade linda e que tem uma particularidade: ela  tem em toda a sua estrutura e principais pontos turísticos a interferência da sua figura mais ilustre, o arquiteto Antoni Gaudi. Suas obras são belas e lúdicas e estão presentes por toda a cidade, o que acaba por agradar, encantar e acolher quem a conhece pela primeira vez. É impossível ir a Barcelona e não esbarrar em pelo menos uma de suas obras.
Barcelona é uma cidade que é bela, efervescente e divertida e que pode ser visitada em lua de mel, em família ou em amigos.
Vale a pena fazer o passeio dos ônibus turísticos. Eles passam nos principais pontos turísticos da cidade, você pode descer e pegar novamente no período de um dia e dá para ter uma boa noção da cidade.


Casa Batló
É um lugar mágico, encantador, agrada adultos e crianças.
#curiosidade: Essa casa serviu de inspiração para alguns cenários do filme Gasparzinho – O fantasminha camarada.

Park Guell
Um parque grande que fica na zona oeste de Barcelona. Sua parte mais turística é a entrada monumental, é lá onde fica o famoso lagarto. O parque tem um visual incrível que envolve as crianças, um passeio imperdível.  
#Seliga: Se você já foi a Barcelona e esteve nesse parque, vale lembrar que antigamente a entrada em qualquer parte do parque era gratuita. A partir de 2014 passou a ser cobrada entrada e ter grande fila de espera para comprar os ingressos e para entrar (com hora marcada).



La Pedrera ou Casa Milá
O ultimo prédio residencial reformado pro Gaudi, o terraço de esculturas é enebriante. Para quem curte artes plásticas, vale a pena se informar sobre alguma exposição paralela na parte posterior da casa.


Igreja da Sagrada Família
Simplesmente a igreja mais linda que eu já vi na vida . Vale cada segundo de espera. Olhe todos os detalhes que puder, inclusive o museu que fica abaixo da igreja, aonde encontrará esboços de várias outras obras de Gaudi.


El poble Espanhol / El Tablao de Carmen
Nós queríamos assistir a um show de dança e musica flamenca bem turístico, optamos pelo Tablao de Carmen porque ele fica dentro de um lugar bem bacana de conhecer: EL Poble Espanhol, uma vila fechada que dentro foram construídas replicas de ruas de cidades da Espanha de forma a mostrar a diferença de cada região. Dá pra sentir um pouco da diversidade arquitetônica espanhola. Dentro das casas você pode comprar artesanato local que muitas vezes é fabricado em ateliers que ficam dentro desse espaço. No Tablao de Carmem eles oferecem um cardápio infantil que tem suco, macarrão a bolognesa e sorvete.


Praia de Barceloneta
Essa praia fica bem central, perto das ramblas e  do bairro Gótico, essa não é a praia preferida de quem mora em Barcelona, mas para quem está turistando é  bacana por ser central alem de acesso pelo metro. Certamente uma forma mais rápida de dar um mergulho no salgado e gelado mar mediterrâneo.
#curiosidade: É comum e normal nesta praia as pessoas fazerem topless e nudismo junto com outros banhista .


Tibidabo
No alto da montanha você tem um templo enorme com uma vista de toda a cidade de Barcelona e um parque de diversões lindo em baixo do templo do Sagrado Coração de Jesus , um lugar interessantíssimo. Um passeio para umas 4 horas de diversão.
#curiosidade: Tibidabo é a união de duas palavras em Latim: tibi-dabo (vou dar) tirada do Evangelho de São Mateus 4:9, que lembra a terceira tentação de Satanás para Jesus no deserto. "Vou dar-lhe isto, se prostrado me adorares". Os monges Jerónimos imaginavam que o diabo poderia ter tentado Jesus, oferecendo a partir do cume de toda a riqueza da cidade de Barcelona.


Teleférico (e castelo) Mont Juic
Um teleférico que sobe o MontJuic , próximo da vila olímpica. Tem um visual bacana de Barcelona. Vale a pena compra a subida e descida (vendem separados também) algumas pessoas descem a pé desfrutando da vista e dos jardins e bares. Para visitar o castelo também tem que pagar.


Lugares que não fomos porque não deu tempo, mas gostaríamos de ter ido:
Parque da Ciudadela e o Zoológico que fica dentro dele.
http://www.barcelonaturisme.com/Parc-de-la-Ciutadella/_xMCfM9AMDl_lKCezjRpMoBg5Hm_T8C3asFGD3oAEunc
Museu do chocolate http://www.museuxocolata.cat/


Postar um comentário